SIGA-ME

SIGA-ME

Seguidores da revista

Clima Tempo

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

domingo, 8 de maio de 2016

Governador Sartori/PMDB mostra extrato e debocha dos servidores públicos

Um dos assuntos mais comentados nas redes sociais nesta quinta-feira (05) foi um vídeo do governador Sartori/PMDB e a reprodução dos seus extratos bancários. No vídeo, o governador diz que também está dando a sua cota de sacrifício, recebendo o seu salário parcelado. Para comprovar a sua fala publicou, logo depois, duas fotos com os extratos da sua conta bancária no Banrisul. Para completar o deboche, ainda colocou um comentário dizendo que desde o início do seu governo fez questão de dizer a verdade.
O governador Sartori/PMDB está na política há muito tempo. Tendo sido deputado estadual e prefeito de Caxias. Nesse tempo acumulou um bom patrimônio. Suficiente para não depender do salário de governador para ter uma vida confortável. Para se ter uma ideia, em sua declaração de bens nas últimas eleições declarou o valor de R$ 1.138.060,01 como patrimônio. Além disso, sua esposa é deputada estadual e, ao contrário dos trabalhadores do executivo, não está com o salário parcelado, recebendo portanto o salário bruto de R$ 25.322,25, além de vários benefícios. Mostrar o seu extrato e dizer que também está fazendo a sua parte no sacrifício pela recuperação do RS, chega a ser um escárnio com o servidores. Falar para um policial, que depende do seu salário para sustentar a família, que ele tem que se conformar com o parcelamento do salário, porque o governador, que tem um patrimônio milionário e uma esposa deputada, também está com o salário parcelado, é não ter a mínima noção da realidade. Sartori/PMDB tem se notabilizado por suas declarações infelizes, porém, nesse caso, mostrou que vive em outro mundo. Realmente não deve ter noção do que é chegar ao fim do mês e ter R$ 1.250,00 para pagar as despesas de uma família inteira. Se tivesse, não teria feito esse deboche. Está na hora de alguém falar uma verdade simples ao governador Sartori/PMDB: Por favor, CALE-SE!
fonte:http://ugeirmsindicato.com.br
Postar um comentário

Comentarios