SIGA-ME

SIGA-ME

Seguidores da revista

Clima Tempo

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

terça-feira, 31 de maio de 2016

Presos em Minas produzem até 400 caixas de legumes por mês

Visita ao Presídio Jacy de Assis em Uberlândia.
Presos trabalham em horta que utiliza água de captação das chuvas e cuja produção é vendida para empresa que fornece alimentação ao presídio.
Presas trabalham na confecção de uniformes que são enviados para outros presídios.
Personagem: Juiz de Execuções criminais, Lourenço Migliorini Ribeiro.
Data: 11-06-15
Local: Uberlândia
Foto: Omar Freire/Imprensa MG

Visita ao Presídio Jacy de Assis em Uberlândia.
Presos trabalham em horta que utiliza água de captação das chuvas e cuja produção é vendida para empresa que fornece alimentação ao presídio.
Presas trabalham na confecção de uniformes que são enviados para outros presídios.
Personagem: Juiz de Execuções criminais, Lourenço Migliorini Ribeiro.
Data: 11-06-15
Local: Uberlândia
Foto: Omar Freire/Imprensa MG

- See more at: http://razoesparaacreditar.com/cidadania/presos-em-minas-produzem-ate-400-caixas-de-legumes-por-mes/#sthash.U9yf4zsj.dpuf
No Presídio Professor Jacy de Assis, em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, rúcula, alface, couve, repolho, espinafre, brócolis e canteiros de maracugina, erva-cidreira, capim-santo, hortelã e cebolinha são parte da rotina dos prisioneiros.
Toda essa variedade é cultiva pelas mãos de 25 presos que produzem 400 caixas de legumes e hortaliças mensalmente, além de plantas medicinais e aromáticas.
Logo do outro do muro, 30 mulheres fabricam cerca de 2.250 calças e bermudas do uniforme do sistema prisional de Minas Gerais por mês, que são encaminhadas para o Almoxarifado Central em Belo Horizonte.
Atualmente, o presídio abriga 300 homens e mulheres, em trabalho interno e externos nas áreas de limpeza, manutenção e obras.
“Nasci no mato e no final do ano, quando me aposentar, volto para o campo. Esta horta é minha paixão e ela tem poderes para mudar a vida de muitos homens. Ninguém consegue passar por aqui e ficar imune a transformações”, diz o agente penitenciário José Francisco Pereira dos Santos, de 61 anos, que trabalha na unidade desde a inauguração, em 1999. É dele a responsabilidade de coordenar todo o trabalho.
Os alimentos são vendidos para a empresa fornecedora de refeições para o presídio, cuja capacidade é de 940 vagas e está com aproximadamente 2.100 presos.
pres_aliment_mfg_004-e1446747639711
Visita ao Presídio Jacy de Assis em Uberlândia. Presos trabalham em horta que utiliza água de captação das chuvas e cuja produção é vendida para empresa que fornece alimentação ao presídio. Presas trabalham na confecção de uniformes que são enviados para outros presídios. Personagem: Juiz de Execuções criminais, Lourenço Migliorini Ribeiro.  Data: 11-06-15 Local: Uberlândia Foto: Omar Freire/Imprensa MG
pres_aliment_mfg_007-e1446747860459
Fonte: CicloVivo
- See more at: http://razoesparaacreditar.com/cidadania/presos-em-minas-produzem-ate-400-caixas-de-legumes-por-mes/#sthash.U9yf4zsj.dpuf
Postar um comentário

Comentarios