SIGA-ME

SIGA-ME

Seguidores da revista

Clima Tempo

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

segunda-feira, 6 de junho de 2016

Novo Ministro da Justiça promete baixar o cacete no MST, CUT e outros criminosos ligados ao PT


Novo Ministro da Justiça promete baixar o cacete no MST, CUT e outros criminosos ligados ao PT  maio 13, 2016 "A partir do momento que seja MTST, ABC, seja ZYH, que deixam o livre direito de se manifestar para queimar pneu, colocar em risco as pessoas, aí são atitudes criminosas que vão ser combatidas, assim como os crimes". Esta foi a promessa do recém­empossado ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, sobre como deverá agir em caso de manifestações violentas estimulada pelo PT, através de suas sucursais mal­intencionadas. Moraes é ex­secretário de Segurança Pública de São Paulo e afirmou nesta quintaNovo ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, é reconhecido como linha dura por movimentos sociais 06/06/2016 Novo Ministro da Justiça promete baixar o cacete no MST, CUT e outros criminosos ligados ao PT | Imprensa Viva http://www.imprensaviva.com/2016/05/novo­ministro­da­justica­promete­baixar.html 2/6 feira (12) que a atuação violenta de movimentos de esquerda não será mais tolerada no país. O novo ministro é reconhecido como linha dura e já foi criticado por movimentos sociais por autorizar o uso de força policial para cumprir reintegração de posse de locais públicos ocupado por estudantes e membros do movimento dos sem teto (MTST) na capital paulista. Moraes classificou como "atos de guerrilha" os protestos recentes contra o impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff e garantiu que dará cobertura total para o avanço da Operação Lava jato. Para o novo ministro, a investigação liderada pelo juiz federal Sérgio Moro se tornou um "símbolo do combate à corrupção". "Temos não só que mantê­la como, porque é uma belíssima operação, melhorar. Melhorar a operação com mais celeridade e mais efetividade", promete Moraes. A disposição do novo ministro da Justiça é a de combater as fragilidades e deficiências dos governos do PT no tocante ao combate à violência e a criminalidade. O ministro afirmou que pretende concentrar mais esforços no combate à criminalidade organizada, sobretudo em relação ao contrabando de armas que entram no Brasil. "É uma fronteira absolutamente desguarnecida, vem trazendo um aumento da criminalidade violenta no país todo", observou. Geraldo Alckmin elogiou a escolha de Alexandre de Moraes com novo Ministro da Justiça do governo de Michel Temer: É um verdadeiro exemplo à lei e à firmeza. O povo brasileiro está cansado de bagunça"
fonte:http://www.imprensaviva.com
Postar um comentário

Comentarios