SIGA-ME

SIGA-ME

Seguidores da revista

Clima Tempo

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

sexta-feira, 11 de novembro de 2016

VITÓRIA DE DONALD TRUMP É O TRIUNFO DA VERDADE SOBRE O JORNALISMO MENTIROSO E INDECENTE DA GRANDE MÍDIA


A vitória de Donald Trump representa a vitória do Ocidente, a vitória da Civilização Ocidental contra a diabólica máquina de destruição da liberdade acionada pela elite globalista. É ao mesmo tempo uma vitória do povo americano contra o verdadeiro golpe que vinha sendo montado pela bandalha comunista dentro do Partido Democrata visando a transformação do gigante americano numa republiqueta bananeira com a cumplicidade do jornalismo de aluguel.

A vitória de Donald Trump também representa a derrota do establischment, especialmente da grande mídia e dos institutos de pesquisa que mentiram de forma desavergonhada como cansei de denunciar aqui neste pequeno blog. Aqueles que se informaram por meio de modesto espaço de mídia independente têm agora a prova concreta de que tudo que escrevi a respeito faz todo o sentido. E isto é incrível.

Chego até a ficar com a dita "vergonha alheia" dos colegas "famosos" da grande imprensa brasileira, com aquela arrogância e empáfia e que se transformaram em garotos de recado da vagabundagem de Washington, New York e adjacências. Muita coisa deverá vir à tona quando passar a refrega do embate eleitoral.

Mas não foi apenas a vitória de Donald Trump. O resultado da eleição mostra que o Partido Republicano fez barba e bigode e tem maioria ampla tanto na Câmara dos Representantes (deputados) como no Senado. Se compulsarmos os jornalões ou procurarmos pelas edições pregressas na internet veremos que tudo que lá está tem o sabor de comédia, senão fosse o fato de que a tentativa de manipular a opinião pública tem um viés criminoso. Utilizaram a liberdade de imprensa para mentir sem qualquer pejo com a finalidade de induzir ao erro e à confusão toda a opinião pública.

Manchete do The New York Times com o resultado das eleições. Eles insistem em dizer que Trump surpreendeu, na tentativa de revestir de verdade a mentirada que veicularam durante a campanha. Clique sobre a imagem para vê-la ampliada.
MÍDIA DESMORALIZADA
Por isso a vitória de Donald Trump e dos candidatos republicanos em nível legislativo adquire uma relevância especial. Da mesma forma, os cidadãos americanos deram também uma lição inaudita de exercício de cidadania e compromisso com a verdade dos fatos ainda que tenham sido bombardeados noite e dia durante a campanha e já antes dela, por uma torrente de "desinformação" jamais registrada na história política e jornalística do mundo ocidental.

Mas apesar de tudo isso que acaba de acontecer esses andróides do neocomunismo que dominam as redações da grande mídia continuarão a mentir, o que comprova o nível de psicopatia em alto grau que infesta o cérebro dos esquerdistas de todos os matizes.

Lhes digo que com mais de 45 anos de jornalismo nunca vi nada parecido com o que estamos vivenciando neste século XXI. Mas arrisco a afirmar que este acontecimento eleitoral nos Estados Unidos supera tudo e terá com certeza importantes desdobramentos, aplicando um freio vigoroso à tentativa de destruição da nossa civilização ocidental. Em outras palavras, isto significa a recuperação da nossa liberdade aviltada pela boçalidade politicamente correta da desvairada "sustentabilidade" bundalelê que eleva à categoria de virtude todas as iniquidades.

Que irão dizer agora os alegres rapazes e raparigas da grande mídia nacional e internacional? Muitos foram para New York, que chique, né? São os enviados não para cobrir os acontecimentos verdadeiros, mas para mentir. Que vergonha!
Fonte:http://aluizioamorim.blogspot.com.br
Postar um comentário

Comentarios