SIGA-ME

SIGA-ME

Seguidores da revista

Clima Tempo

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Filho da funkeira Tati Quebra Barraco havia sido preso e condenado por furto

O filho da funkeira Tati Quebra Barraco, morto a tiros na madrugada deste domingo na Cidade de Deus, na Zona Oeste do Rio, já havia sido condenado pela Justiça. Yuri Lourenço da Silva, de 19 anos, foi preso em flagrante, em novembro do ano passado, por furto qualificado, mas ganhou liberdade oito meses depois. O jovem foi condenado a dois anos de reclusão pelo crime em setembro deste ano. A pena foi convertida em punição alternativa — limitação de fim de semana e prestação de serviços à comunidade. Ele estava recorrendo em liberdade.
Ao dar entrada no sistema prisional, Yuri ficou na cadeia pública José Frederico Marques, no Complexo Penitenciário de Gericinó, Zona Oeste do Rio. Ele foi depois transferido para o presídio João Carlos da Silva, em Japeri, Baixada Fluminense. A unidade abriga presos da maior facção criminosa do Rio, a mesma que comanda o tráfico na Cidade de Deus. O filho da cantora tem ainda oito passagens pela polícia, a maioria por roubo e furto, quando ainda era menor de idade.
Yuri foi baleado durante um confronto na Cidade de Deus. Além dele, também foi morto Jean Rodrigues de Jesus, de 22 anos. O jovem tinha duas passagens pela polícia, pelos crimes de roubo e furto.

Cantora fez desabafo no Facebook Foto: Reprodução / Facebook

Na manhã deste domingo, a funkeira Tati Quebra Barraco usou as redes sociais para desabafar sobre a morte do filho. Na postagem, ela se pergunta onde errou: " Em que eu errei? Em que não fui rude? O que eu deixei faltar? Você e seus irmãos sabem o que eu fiz e venho fazendo pra dar o melhor pra vocês."
Tati também pede desculpas ao filho, caso tenha errado e afirma que vai fazer melhor pela neta Pérola: "Agora temos a Pérola para educar, melhorar o que eu não fui capaz de fazer por você. Me desculpe seu fui uma péssima mãe ou se ensinei da maneira errada, eu só queria o seu melhor."


Leia mais: http://extra.globo.com
Tati Quebra Barraco
no domingo
NOTA OFICIAL
Filho da funkeira Tati Quebra Barraco morreu na madrugada deste domingo
Filho da funkeira Tati Quebra Barraco morreu na madrugada deste domingo Foto: Divulgação
O confronto aconteceu na localidade da Quintanilha, no início da madrugada desta domingo. Os jovens chegaram a ser socorridos para o Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, mas não resistiu.
De acordo com o comandante da UPP Cidade de Deus, capitão Daniel Cunha Neves, os policiais da UPP Cidade de Deus foram até a localidade para checar denúncia de tráfico de drogas. Chegando ao local, foram recebidos a tiros pelos criminosos. Segundo Neves, além de Yuri e Jean, havia outros cinco bandidos.
No local onde houve o confronto, foram encontrados dois radiotransmissores, uma pistola e drogas. Na semana passada, na Quintanilha, houve outro tiroteio, que terminou com quatro presos. Os criminosos estariam tentando implementar uma boca de fumo no local.
A Divisão de Homicídio da capital está investigando a morte de Yuri e Jean. As armas dos seis policiais envolvidos no confronto foram apreendidas pela Polícia Civil e serão periciadas.
Por meio de uma rede social, uma nota oficial sobre o caso foi publicada no perfil da cantora.


Fonte: http://extra.globo.com
Na madrugada deste domingo (11/12), Yuri Lourenço da Silva, 19 anos, filho da cantora Tati Quebra Barraco, foi morto durante uma operação policial na Cidade de Deus, onde morava. Tati estava se apresentando em Belo Horizonte quando recebeu a notícia e chegou ao Rio hoje pela tarde.
Nas últimas horas, as redes sociais da artista têm recebido centenas de comentários de ódio e completamente desumanos. Repudiamos o desrespeito à tragédia que é qualquer mãe ter que enterrar um filho.
Agradecemos ao apoio de amigos e fãs nesse momento tão difícil. Estamos recebendo milhares de mensagens que estão ajudando confortar a família.
Esperamos que a verdade - sobre uma suposta troca de tiros que nunca ocorreu - chegue à tona e que os responsáveis por registrarem/divulgarem fotos indevidas/desrespeitosas em um momento como esse sejam punidos. Nos apoiamos nessa esperança e na fé para consolar o coração dos familiares de Yuri, que pedem privacidade nesse momento de luto.
OBS: Pedimos que às solicitações de notas e demandas de imprensa sejam feitas temporariamente pelo email ubuntuproducoesculturais@gmail.com ou pelos contatos abaixo:
Build Up Media: daniel@buildupmedia.com.br
Telefone: (24) 99937-7203
Nós, MC Carol e equipe, nos prontificamos para ajudar a Tati Quebra Barraco e sua família nesse momento difícil. Ainda não há informações sobre horários e local do velório. Pedimos respeito ao luto da família, que está enfrentando uma perda junto de um ataque de ódio na internet.
Postar um comentário

Comentarios