SIGA-ME

SIGA-ME

Seguidores da revista

Clima Tempo

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Você precisa consumir isto se tiver unhas frágeis ou não estiver dormindo bem!

Mais uma boa notícia relativa à cura do câncer.Desta vez ela vem da Austrália.E, como quase sempre, tem a natureza como personagem principal.

Mais uma boa notícia relativa à cura do câncer.
Desta vez ela vem da Austrália.
E, como quase sempre, tem a natureza como personagem principal.
Um grupo de cientistas australianos descobriu que a fruta de uma árvore australiana chamada "blushwood" (Hylandia dockrillii) possui incríveis propriedades anticâncer.
O estudo do QIMR Berghofer Medical Reserach Institute obteve uma taxa de sucesso de 75% em tratamento de tumores em animais.
Tudo isso com uma simples injeção de um medicamento chamado EBC-46, feito a partir das sementes da fruta.
A pesquisa foi publicada na revista PLoS One.
Nas palavras do dr. Glen Boyle, que chefiou o estudo, realizado durante 8 anos: "A substância extraída das sementes mata as células tumorais diretamente, corta o fornecimento de sangue e ativa o próprio sistema imunológico do corpo para limpar detritos deixados".
A injeção tem sido utilizada com sucesso para destruir tumores em animais como cães, gatos e cavalos.
Segundo ele, a droga pode ser eficaz em pacientes humanos também, e não apenas em animais.Mas o que surpreendeu a todos é a rapidez com esta substância atua: os cientistas notaram que a droga entrou em vigor em 5 minutos e os tumores desapareceram em poucos dias.
"Nós fomos capazes de alcançar resultados muito fortes injetando ​​EBC-46 diretamente em  casos de melanoma (o mais mortal câncer de pele), bem como em tumores de cérebro, pescoço e colo," disse o dr. Boyle.Na maioria dos casos, uma única injeção causou a perda de viabilidade de células cancerosas no prazo de quatro horas e, pouco depois, destruiu completamente os tumores.
O dr. Boyle diz que, em humanos, esse medicamento poderia ser especialmente útil em casos de melanoma e câncer de cérebro, mas ainda não há evidências de que a injeção de "blushwood" seja eficaz em um tumor que se espalhou (metástase).
Dr. Boyle diz que pretende prosseguir a investigação para ver se o medicamento pode ser mais eficaz.
EBC-46 é um composto extraído das sementes da fruta da árvore blushwood, que é encontrado em florestas úmidas no norte de Queensland, Austrália.A fruta é conhecida por ter extraordinárias propriedades medicinais que atuam rapidamente.
Conseguir essa maravilhosa fruta, porém, pode ser difícil porque a árvore blushwood é de plantio e crescimento extremamente difíceis.
O medicamento está sendo desenvolvido pela empresa de biotecnologia Queensland EcoBiotics ou QBiotics (subsidiária da EcoBiotic) como um produto farmacêutico veterinário e também para uso em humanos.
A QBiotics está atualmente realizando ensaios clínicos veterinários formais na Austrália e nos EUA, enquanto espera a aprovação regulamentar que ainda é necessária para uma fase humana de ensaios clínicos.
"O planejamento dos testes em humanos é um trabalho em andamento", disse um porta-voz QBiotics.
Esta é uma pagina de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.
Postar um comentário

Comentarios