bate papo FMESPERANÇANOSSA

SIGA-ME

SIGA-ME

Seguidores da revista

Clima Tempo

sábado, 27 de maio de 2017

Suspeito que chutou rosto de mulher na Contorno é o mesmo que arrastou fisioterapeuta em assalto no São Lucas

A Polícia Civil confirmou nesta sexta-feira (26) que o jovem de 19 anos que chutou uma mulher no rosto durante um assalto na Contorno é o mesmo que arrastou uma fisioterapeuta em outra ocorrência registrada na capital. No primeiro crime, ele roubou a bolsa da vítima junto com um comparsa em uma moto. No segundo caso, agiu sozinho e a vítima teve um celular roubado. Há ainda um terceiro crime cometido pelo suspeito na capital.
O superintendente de Investigação e Polícia Judiciária, Márcio Lobato Rodrigues, destacou a importância da prisão do suspeito. “Todos os crimes são graves e a Polícia Civil confere a devida importância a todos, mas esses três crimes cometidos pelo suspeito aconteceram de forma covarde, em dois deles com agressões contra mulheres. Por isso solicitei à chefia do 1º Departamento de Polícia Civil em Belo Horizonte certa prioridade na resolução dos casos, já que esses crimes não poderiam ficar sem uma resposta. E a equipe fez uma investigação rápida mesmo com dificuldades apresentadas nas ocorrências, tendo o suspeito sido reconhecido formalmente em três roubos”, ressaltou Márcio Lobato.
Segundo a delegada Cláudia da Proença Marra, as investigações tiveram início com um roubo que aconteceu no dia 23 de março, no bairro Funcionários. “Na ocasião, uma motocicleta vermelha se aproximou da vítima, sendo que o garupa desceu do veículo, com arma de fogo em punho, e puxou a mochila do homem. Como a mochila agarrou no ombro da vítima, o suspeito desferiu chutes nas costas da vítima, a ponto de arrebentar a alça. O suspeito montou na motocicleta que o aguardava e fugiu”, contou a delegada.
Divulgação/PolíciaCivil
A partir desse fato, a Polícia Civil fez um levantamento das principais ocorrências com o mesmo modo de agir desse suspeito, na região Centro-Sul da cidade. Foram localizados mais dois eventos, um que aconteceu no dia 8 de maio, na rua Monte Alegre, no bairro São Lucas. “Nesse dia, a vítima, uma fisioterapeuta chegou a ser arrastada em uma via pública por uma motocicleta durante o roubo”, disse a delegada.
O segundo caso ocorreu no dia 26 de abril, na avenida do Contorno, no bairro São Lucas, o suspeito teria se aproveitado do fato de que a vítima estava com a bolsa aberta, em um ponto de ônibus, e subtraiu o celular dela. “A vítima, ao se levantar para tentar pegar o aparelho de volta, foi atingida com um chute no rosto, o que a impediu de prosseguir. O homem fugiu com um comparsa que o esperava em uma motocicleta”, ressaltou Cláudia.
O suspeito foi reconhecido formalmente por duas vítimas e por uma testemunha. Ele possui passagem por furto e estava em liberdade provisória desde novembro do ano passado. O jovem irá responder por roubo majorado, com emprego de arma de fogo e concurso de pessoas.
As investigações continuam no sentido de localizar o condutor da motocicleta.
O chefe do 1º Departamento de Polícia Civil, Rafael de Souza Horácio, destaca que o suspeito pode estar envolvido em outros crimes na região. “Caso outras possíveis vítimas reconheçam o suspeito, é preciso que elas compareçam à delegacia para eventual reconhecimento pessoal do suspeito”, ressalta.
Da Polícia Civil
fonte:http://bhaz.com.br/
Postar um comentário

Comentarios