SIGA-ME

SIGA-ME

Seguidores da revista

Clima Tempo

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Filho flagra estupro da própria mãe, reage e quebra o braço do suspeito Suspeito foi encontrado sem roupas em uma rede, junto com a vítima.

    Homem foi preso em flagrante após abusar sexualmente de idosa (Foto: Divulgação/Polícia Militar )
Um homem de 53 anos foi preso em flagrante por estuprar uma idosa, de 65, com distúrbios mentais, em Ilha Comprida, no litoral de São Paulo. O filho da vítima flagrou o abuso e lutou com o agressor, que foi preso por uma equipe da Polícia Militar.O crime ocorreu em uma residência no bairro Balneário Mares do Sul. Um dos filhos da idosa encontrou a mãe e o homem sem roupas em uma rede na casa dela. A mulher, segundo ele, tem transtornos mentais e depende de ajuda para realizar atividades.
Ao notar a chegada do rapaz, o suspeito fugiu para um matagal próximo. A Polícia Militar foi acionada, foi até o local, realizou buscas, mas não conseguiu localizá-lo. Porém, mais tarde, ele retornou ao imóvel para buscar as roupas que havia deixado.
Ao invadir a casa novamente, o filho da idosa conseguiu detê-lo e os dois brigaram. A polícia foi chamada pela segunda vez e uma equipe chegou a tempo de conseguir prender o homem, que teve o braço quebrado durante a luta corporal, segundo registro.
A idosa foi levada para atendimento médico, enquanto que o suspeito foi encaminhado a um hospital antes de ser apresentado na Delegacia Sede da cidade. Pela Polícia Civil, o suspeito foi indiciado por estupro de vulnerável e permaneceu preso.
FONTE:http://g1.globo.com/
Postar um comentário

Comentarios