bate papo FMESPERANÇANOSSA

SIGA-ME

SIGA-ME

Seguidores da revista

Clima Tempo

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

terça-feira, 22 de agosto de 2017

Haddad Diz Que Polarização Impede Pedido De Desculpas Do PT Por Escândalos

     
Visto por alguns como um “plano B” do PT caso Lula seja condenado em segunda instância e não concorra à Presidência, Haddad nega estar em pré-campanha e diz descartar um cenário sem o ex-presidente em 2018.

Segundo Haddad, Lula também terá papel fundamental na decisão sobre uma eventual candidatura a outro cargo ano que vem. “Eu vou querer ouvi-lo antes de tomar qualquer decisão. Não que necessariamente acate, mas quero ouvi-lo”.Em entrevista à BBC Brasil na sede do Insper na última sexta-feira, Haddad afirma que o atual momento político polarizado impede uma autocrítica maior por parte do PT e outros partidos. “É difícil você conseguir que as partes façam as autocríticas cabíveis e promovam uma virada de página porque tudo virou briga de facção no Brasil”.
Haddad também fez críticas ao atual prefeito de São Paulo, João Doria. “A estratégia do Doria é só comunicacional. Ela não tem nenhuma outra finalidade. É uma estratégia de marketing. Pura e simplesmente.”
O ex-ministro da Educação também está de volta ao magistério. Há cerca de três meses pediu licença da Universidade de São Paulo para dar aulas no Insper, instituição privada cujas mensalidades beiram os R$ 4 mil na graduação.
fonte:https://www.noticiasbrasilonline.com.br
Postar um comentário

Comentarios