SIGA-ME

SIGA-ME

Seguidores da revista

Clima Tempo

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

O SUCATEAMENTO DAS FORÇAS ARMADAS (FFAA), PELO GOVERNO TEMER, É O GOLPE FATAL NA FRÁGIL DEMOCRACIA BRASILEIRA!

   
O SUCATEAMENTO DAS FORÇAS ARMADAS (FFAA), PELO GOVERNO TEMER, É O GOLPE FATAL NA FRÁGIL DEMOCRACIA BRASILEIRA! A VENEZUELA ACORDOU TARDE DEMAIS! AGORA, A INTERVENÇÃO MILITAR NAO É MAIS UMA OPÇÃO, MAS A ÚNICA SOLUÇÃO OU PERDEREMOS O BRASIL PARA OS COMUNISTAS!
O governo Temer quer acabar com as polícias (Militar e Civil) e criar a Polícia Militar Federal (entenda: fortalecer a Força Nacional) e sucatear as FFAA. Qual a intenção de um governo, cujo país tem milhares de quilômetros de fronteiras, milhares de milhas de águas navegáveis e território de dimensão continental, cortar 40% de verba das suas FFAA, senão sucateá-las ou torná-las inoperantes? Mais preocupante ainda é o fato que o governo comunista Temer, que alega não ter dinheiro para as necessidades básicas do povo brasileiro, como saúde, segurança e educação, resolve liberar 3,6 bilhões para a campanha eleitoral dos Partidos Políticos, todos comunistas, pois no Brasil, hoje, ou melhor, desde a saída dos militares do Poder não há partidos de direita, não na acepção da palavra.Isso será a consolidação dos comunistas no poder e o fim do estado democrático de direito. É sabido, que à exemplo da Venezuela, e outras ditaduras comunistas, a Polícia Militar Federal (Polícia Bolivariana) servirá para proteger o Estado e não o cidadão. O estatuto do desarmamento fala por si só! No Brasil, hoje, com raras exceções , só quem tem “porte de arma” é bandido. Na história mundial todas as ditaduras comunistas começaram assim: Desarmando o cidadão de bem.
A operação Lava-Jato não vai acabar com a corrupção e a bandidagem no Brasil. Só o povo nas ruas tem esse poder, mas precisa, urgentemente, clamar por socorro às FFAA, antes que os comunistas acabem, de vez, com o moral da Tropa.

Se é que ainda não acabaram: O que poderia ser mais humilhante, para um verdadeiro patriota, que bater continência para um Ministro da Defesa, civil e comunista? É notório e louvável o esforço e dedicação do meritíssimo juiz Sérgio Moro e do Ministério Público, mas o quê eles poderão fazer se no STF (na mais alta Corte) não tem sequer um juiz de carreira? Só tem apadrinhados de políticos delatados na Lava-Jato. Na verdade, só tem políticos de toga à serviço do Foro de São Paulo e URSAL.
Enfim, Temer é a versão genérica do governo petista (comunista), porém bem mais astuto, determinado e organizado. Ou alguém explique como ele conseguiu ficar fora da lista do Fachin. E cada dia que passa sem a prisão de Lula, mais improvável ela fica.
Os mesmos comunistas que livraram Temer da lista do Fachin, livrarão também Lula da Lava-Jato, ou melhor, de ser preso. E o histórico de corruptos presos pelo STF, nesses anos de “democracia”, é um alerta ao povo brasileiro que tudo vai acabar em “pizza”. Só um Tribunal Militar para por ordem na “Casa”.

O Exército Brasileiro jamais se dobrará aos comunistas da URSAL, não o Exército que servi, em 1980, no NPOR, 32 GAC. Porém, se o povo não for para as ruas clamar por uma Intervenção Militar, (porque todo poder emana do povo), como aconteceu em 1964, as FFAA não poderão intervir.

Os países membros da URSAL e toda imprensa comunista internacional falarão em golpe militar. Portanto, só o povo brasileiro em massa, nas ruas, pode legitimar uma Intervenção Militar. Tanto o impechement como a Intervenção Militar estão previsto na Constituição Federal. Erramos em não conhecermos as leis que regem nossa frágil democracia. E se o impechement não resolveu a gravíssima crise brasileira, só resta a Intervenção Militar.

Os patriotas podem e devem ir para as ruas e pedir socorro às FFAA , como em 1964, para que o mundo veja e saiba que não há golpe em andamento no Brasil, mas, sim, a vontade de uma nação soberana, que não aceita o comunismo e nem tudo de ruim que ele trás por onde passa. Cuba é o melhor exemplo de quão cruel é o socialismo.
Só o povo nas ruas, clamando por uma Intervenção Militar, mobilizará as FFAA no resgate dos valores morais e cívicos perdidos durante o governo civil, e sem o “mi mi mi” da esquerda internacional. Acorda Brasil ou quem vai lamentar são teus filhos! Intervenção Militar Já: Não há outra solução, há? ACORDA BRASIL!
Postar um comentário

Comentarios