SIGA-ME

SIGA-ME

Seguidores da revista

Clima Tempo

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Um país onde uma atriz tem que pedir desculpas por propaganda de papel Higiênico preto porque é anormal, mas pedofilia é super normal


Marina Ruy Barbosa se desculpa por polêmica de papel higiênico preto. Enquanto atores de esquerda fizeram até manifestação para defender pedofilia e foi super normal no país, não abalou ninguém, o ato da pedofilia nem atos em defesa da pedofilia.
Por favor alguém explica que país é esse!! 
  • A atriz Marina Ruy Barbosa pediu desculpas após a polêmica campanha do papel higiênico preto, o Personal VIP Black. 
  • A marca foi criticada por racismo e apropriação cultural ao escolher o slogan #BlackIsBeautiful (preto é bonito, em tradução livre). A expressão foi criada na década de 1960 por artistas e intelectuais de um movimento negro, nos Estados Unidos. 
  • Nesta segunda-feira, a atriz havia feito um post sobre o lançamento, mas não utilizou a hashtag polêmica e nem habilitou comentários. Na manhã desta terça, o post havia sumido do perfil de Marina. 
  • Mais tarde, retornou à página com a atualização do pedido de desculpas.
  • Um lançamento que eu adorei fazer parte! O primeiro papel higiênico preto do país! #PersonalVipBlack 🖤 @familiapersonal Foto: @bobwolfenson  
  • Quando me convidaram e apresentaram a mensagem criativa da campanha para o produto Personal Vip Black, produto já existente no exterior e trazida pela Santher para o Brasil, fiquei animada em fazer uma campanha diferente e que seria uma novidade no nosso país. 
  • Lamento profundamente que algumas pessoas tenham interpretado o trabalho publicitário da Santher de forma diferente do que foi idealizado. 
  • Tenho certeza de que essa nunca tenha sido a intenção da marca e das pessoas que criaram esta ação, a de seguir por este caminho polêmico ou desrespeitar qualquer tipo de pessoa. Independente de tudo isso, eu lamento muito, de verdade, e peço desculpas às pessoas que se sentiram afetadas. 
  • Estou bem triste por tudo isso e espero que entendam que jamais foi feito com a intenção de ofender! Com amor, Marina.  
  • FONTE:https://1cyber0.blogspot.com.br
Postar um comentário

Comentarios