SIGA-ME

SIGA-ME

Seguidores da revista

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

quinta-feira, 15 de março de 2018

A bandidagem do PT não sabe quem é Cármen Lúcia A fase de mentiras infamantes faz parte da ofensiva que pretende livrar Lula da cadeia

Cármen Lúcia: Vaidade sóbria e jornadas de doze horas de trabalho


Cármen Lúcia: Vaidade sóbria e jornadas de doze horas de trabalho (Cristiano Mariz/VEJA)

A ministra Cármen Lúcia, como vem reiterando seu comportamento na presidência do Supremo Tribunal Federal, é o oposto de Dilma Rousseff. Para citar apenas três de suas múltiplas qualidades, Cármen Lúcia conhece como poucos o terreno em que se move, é exemplarmente íntegra e tem coragem de sobra para enfrentar figurões que até pouco tempo atrás se julgavam condenados à impunidade perpétua.

Essas virtudes explicam a resistência da ministra à ofensiva do PT destinada a mudar a decisão do Supremo de autorizar o começo do cumprimento da pena depois da condenação em segunda instância, e adiar até o fim dos tempos a temporada de Lula na cadeia. Essa ofensiva acaba de incluir a difusão de mentiras infamantes. A torpeza só servirá para mostrar que os bandidos a serviço da seita não conhecem Cármen Lúcia. Ela não cederá.
Postar um comentário

Comentarios