segunda-feira, 5 de novembro de 2018

PT diz que Lula seria candidato se Moro não o prendesse. Se não tivesse roubado, não teria ido pra cadeia


As narrativas do PT são bastante confusas. O próprio ex-presidente Lula tentou inúmeras vezes embaralhar as investigações em curso contra ele na Lava Jato, desafiando as autoridades a provarem que ele cometeu crimes e encontrarem um centavo em suas contas.

Além de provar que Lula se beneficiou dos esquemas de corrupção na Petrobras, tendo sido delatado por vários cúmplices diretos em seus crimes, como Léo Pinheiro, Marcelo Odebrecht e até mesmo seu ex-ministro Antonio Palocci, as autoridades ainda encontraram milhões em suas contas. Por determinação do juiz Sérgio Moro, a Justiça bloqueou R$ 16 milhões em dinheiro em bens do ex-presidente.

Moro também condenou Lula na primeira instância pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do triplex do Guarujá. Apesar dos inúmeros recursos, Lula acabou tendo sua condenação confirmada na segunda instância e cumpre hoje uma pena de 12 anos e um mês em regime fechado em uma sala no quarto andar do prédio da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba.

Foi o próprio Lula que se entregou à Polícia Federal no dia 07 de abril. Integrantes do PT afirmam que se Moro não tivesse decretado sua prisão dois dias antes, Lula teria sido o candidato do partido à Presidência da República nas eleições de outubro. Como todas estas conjecturas são meras narrativas políticas, é possível especular que, caso Lula não tivesse comandado o assalto na Petrobras e se beneficiado pessoalmente dos ilícitos, Moro não teria mandado prendê-lo.

Além da condenação do caso do triplex, Lula ainda responde por outros processos em que é acusado de crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do sítio em Atibaia, do terreno para o Instituto Lula, da cobertura em São Bernardo do Campo, etc. Caso não tivesse se envolvido em tantas operações consideradas criminosas pela Justiça, Lula estaria soltou hoje. Caso fosse um homem honesto, Lula poderia até mesmo ser o presidente da República. Não foi Moro que mandou que ele roubasse tanto. Moro apenas julgou seus crimes, condenou e mandou prendê-lo. 
FONTE:https://www.imprensaviva.com/2
Postar um comentário

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

Comentarios