sexta-feira, 28 de dezembro de 2018

Apoiador de Bolsonaro, Alexandre Garcia passa por cima da Globo e pede demissão


O apresentador Alexandre Garcia não faz mais parte da Rede Globo de Televisão. O anúncio foi confirmado nessa sexta-feira, 28 de dezembro, faltando quatro dias para a posse do presidente eleito, Jair Bolsonaro, no dia primeiro de janeiro.  
Ao longo da eleição, Alexandre Garcia já havia aparecido algumas vezes no ar defendendo Bolsonaro. Isso aconteceu na própria Globo, no rádio e até em publicações feitas nas redes sociais. Tantos elogios fizeram com que o nome do jornalista fosse cotado para participar do governo Bolsonaro.
Alexandre Garcia não confirmou ainda, mas seu nome é visto até como possível porta-voz do político. Jair Bolsonaro ainda não comentou essa suposição e chegou a dizer que o seu ministério estava fechado, quando fez uma reunião com os ministros na semana passada. 
Caso assuma mesmo a condição de porta-voz de Bolsonaro, Alexandre não terá o mesmo status de ministro, mas sim de secretário. Isso não rende, por exemplo, o chamado foro privilegiado.Em nota oficial enviada à imprensa, a TV Globo diz apenas que a decisão de Garcia era para diminuir o seu ritmo de trabalho e que ele pensou muito antes de tomar tal medida.
“Diante do trabalho exemplar ao longo de todos esses anos, é uma decisão que respeito. Ele deixa um legado de realizações que ajudaram o jornalismo da Globo a construir sua sólida credibilidade junto ao público. O trabalho na Globo foi a sequência de uma vida profissional que poucos podem ostentar”, afirmou Ali Kamel, diretor de jornalismo da maior emissora do país. 
FONTE>>>https://www.1news.com.br

0 comentários:

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

Comentarios