sexta-feira, 14 de dezembro de 2018

Lei Rouanet bancou até casamento de socialites Felipe Amorim e Caroline Monteiro em Jurerê

A operação Boca Livre da Polícia Federal revelou situações absurdas na farra com o dinheiro do contribuinte através da Lei Rouanet. As fraudes praticadas por criminosos envolveu projetos de fachada que serviram para bancar eventos particulares de alto nível, como o casamento de gente rica, como Felipe Amorim e Caroline Monteiro.  A cerimônia foi realizada no badalado  Beach Club de Jurerê Internacional, em Florianópolis. A festa teve como atração principal um show do cantor sertanejo Léo Rodriguez.

A Polícia Federal informou que os noivos possuem laços familiares com Antonio Carlos Bellini, dono da Bellini Cultural, cabeça do esquema de fraudes na Lei Rouanet e alvo da operação Boca Livre. Antonio Carlos e a sua mulher foram presos em São Paulo. O noivo, Felipe Amorim, é filho do casal e diretor de marketing da empresa.

Durante as investigações, a Polícia Federal anexou ao inquérito um vídeo da festa. Na internet, o 300 Beach Club é “descrito com uma balada chique com comida fina” Outras fotos do casamento podem ser vistas no blog de Júlio Trindade (Veja aqui)

"Há indícios de que as fraudes ocorriam de diversas maneiras como a inexecução de projetos, superfaturamento, apresentação de notas fiscais relativas a serviços/produtos fictícios, projetos simulados e duplicados, além da promoção de contrapartidas ilícitas às incentivadoras", diz a PF, sugerindo que outros absurdos ainda serão revelados no decorrer das investigações.


Abaixo, um pequeno vídeo produzido pela Zani Filmes com os 
convidados curtindo a piscina do Beach Club na véspera do casamento. 
A festa durou um fim de semana


0 comentários:

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

Comentarios