terça-feira, 5 de fevereiro de 2019

URGENTE|| Magno Malta e Lauriete se separaram, segundo site Folha do ES A cantora gospel e deputada Federal Lauriete, estava casada desde 2013 com o Senador Magno Malta (PR-ES)

Resultado de imagem para magno malta kátia malta
ex-senador Magno Malta e a cantora Lauriete, eleita deputada federal em 2018, estão separados, é o que afirmou nesta segunda-feira (04), o site do Estado do Espírito Santo, www.Folhadoes.com.acordo com o site da região, o motivo da separação entre o ex-senador e a cantora seria traição por parte de Magno Malta.
Verificando as redes sociais da cantora no instagram, a última postarem do casal juntos foi no dia 06 de outubro de 2018, um dia antes da eleição. No dia 07 de novembro, Lauriete usou as redes e postou um vídeo do ex-senador Magno no instagram, onde ele aparece com o presidente Jair Bolsonaro e o vice General Mourão. De lá a data de hoje, não existe mais nenhuma postagem do casal juntos.
Nesta segunda, por volta das 19 horas, depois que viralizou a matéria no Espírito Santo, o senador postou um cartaz da cantora que fala sobre uma Vigília no Lar e diversos internautas estão questionando se realmente o ex-senador se separou da cantora.
Segundo o site Folha do Espírito Santo, a separação teria ocorrido logo após a eleição, e segundo o portal, o ex-senador teria passado por um momento de depressão.
A cantora gospel e deputada Federal Lauriete, estava casada desde 2013 com o Senador Magno Malta (PR-ES).
JM Notícia entrou em contato com a assessoria da cantora Lauriete, mas as ligações não foram atendidas.
Oremos pelo casal.
Fonte: folhadoes.com

0 comentários:

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

Comentarios