quinta-feira, 25 de abril de 2019

edir macedo e líderes evangélicos se reúnem no templo de salomão





No sábado último (20), milhares de lideranças evangélicas de diferentes denominações, de todo o Brasil, participaram do Congresso Renovação – Santa Ceia da Unidade, com a presença do Bispo Edir Macedo. Cerca de 6 mil estavam presentes no Templo de Salomão e outros milhares acompanharam por videoconferência.


Pouco antes do início do Congresso, aconteceu um encontro de lideranças com o Bispo Edir Macedo e sua esposa Ester Bezerra; o Bispo Renato Cardoso; o Bispo Júlio Freitas e sua esposa Viviane Freitas; e o Bispo Eduardo Bravo, responsável pelas Relações Institucionais da Universal e presidente da União Nacional de Igrejas e Pastores Evangélicos (Unigrejas).


Estavam presentes o Bispo Christiano Guimarães, da Igreja Sara Nossa Terra; Pastor Flávio Valvassoura e Pastor Aguiar Valvassoura, da Igreja do Nazareno; Pastor Márcio Valadão, da Igreja Batista da Lagoinha; Pastor Juanribe Pagliarin e sua esposa Deise Pagliarin, da Comunidade Cristã Paz e Vida; Bispo Estevam Hernandes e Bispa Sônia Hernandes, da Igreja Apostólica Renascer em Cristo; Reverendo Domingos Lima, representante da Ordem de Ministros Batistas Nacionais de Minas Gerais (ORMIBAN); e Pastor Nilson Santos de Jesus, da Comunidade Batista Rios de Vida e representante do Conselho de Pastores de Ribeirão das Neves, de Minas Gerais.


O encontro destacou a importância de se refletir e discutir sobre o principal objetivo que move a fé de cada um ali presente, que é a Salvação e o ganho de almas para o Reino de Deus. Pois, muitos fiéis que estão nas igrejas ainda não nasceram de novo e estão na base da emoção.


O Bispo Macedo abordou os grandes desafios das igrejas hoje no Brasil e falou da união de forças pela fé. Nesse contexto, o Pastor Márcio Valadão, da Igreja Batista da Lagoinha, ressaltou que todos estão imbuídos da mesma fé: “Temos doutrinas diferentes, mas temos o mesmo Pai.”


O Bispo Eduardo Bravo, ao dar início ao Congresso Renovação, falou sobre o objetivo de reunir tantas lideranças nessa ocasião. “Acreditamos que cada igreja tem sua particularidade. Mas, todos nós fazemos parte do mesmo Corpo e Jesus Cristo é o cabeça. Então, o nosso desejo é que o Reino de Deus cresça”, atestou o Bispo.


Bispo Eduardo ainda afirmou: “Queremos 60 milhões de convertidos, pessoas nascidas de Deus e não apenas com o rótulo de evangélicos. Por isso, promovemos os congressos para orarmos uns pelos outros. Temos que orar não apenas para crescer em números, mas em qualidade.


Conduta e orientação
Durante o Congresso, o Bispo Edir Macedo falou sobre a responsabilidade que os pastores têm com as pessoas que frequentam as igrejas e da orientação, da conduta e da mensagem que passam. “A razão da nossa estada aqui é estarmos respondendo a um chamado de Deus. Ele já fez isso no passado. Mas, repete no presente porque sabe da nossa angústia por aqueles que descem às sepulturas perdidos. Principalmente, aqueles que tiveram conhecimento da Palavra de Deus e até foram usados por Ele, mas não permaneceram e caíram no pecado”, afirmou.


Por isso, é tão importante e tão urgente que quem está enfraquecido na fé reaja a uma mudança e renove as forças. Em seguida, o Bispo Macedo pediu atenção para uma passagem bíblica:


“Então me disse: Filho do homem, estes ossos são toda a casa de Israel. Eis que dizem: Os nossos ossos se secaram, e pereceu a nossa esperança; nós mesmos estamos cortados. Portanto profetiza, e dize-lhes: Assim diz o Senhor Deus: Eis que Eu abrirei os vossos sepulcros, e vos farei subir das vossas sepulturas, ó povo Meu, e vos trarei à terra de Israel. E sabereis que Eu sou o Senhor, quando Eu abrir os vossos sepulcros, e vos fizer subir das vossas sepulturas, ó povo Meu.” Ezequiel 37. 11-13


Propósito do Jejum de Daniel
Ao final, o Bispo Macedo convidou a todos para participar do Jejum de Daniel. Ele explicou o propósito aos presentes: “Vamos unir o povo. São 21 dias de jejum de informação, de internet, whatsapp, televisão, de qualquer coisa que não tenha relação com a Palavra de Deus. Você fica restrito apenas às informações vindas do céu. Como se tivesse saindo do mundo em espírito e começando a andar no deserto. Não é fácil (…) Mas, vamos cobrar de Deus essa chuva que enviou naquele dia no vale de ossos secos. Para que Ele faça nascer um Brasil novo, com uma fé nova e avivada. A exemplo de Israel quando Deus levantava homens para libertação do povo.” Conteúdo creditado a FOLHA UNIVERSAL.


gospelmundo.com

0 comentários:

Atenção

* A Revista Esperançanossa- não formula notícias, artigos ou vídeos, salvo quando os mesmos são citados como criação própria. Todas as nossas publicações são reproduções fiéis de sites de terceiros. Sendo assim, o conteúdo e/ou opiniões expressas nos textos publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores, cujas informações estão contidas nos links da fonte, e não refletem, necessariamente, a opinião da Revista Esperançanossa

Comentarios